O resveratrol, um polifenol com propriedades antioxidantes presentes no vinho tinto poderia servir para prevenir o câncer, já que tem demonstrado em testes realizados com modelos de laboratório por cientistas da Universidade de Leicester, no Reino Unido, que pode contribuir para reduzir em 50% o taxa de tumores no intestino. Para obter esses benefícios, uma quantidade diária de resveratrol equivalente à contida em dois copos de vinho tinto seria suficiente.

O estudo foi apresentado na conferência internacional 'Resveratrol 2012', que é a segunda conferência internacional sobre este tema - a primeira foi realizada na Dinamarca em 2010 -, reunindo especialistas de todo o mundo para discutir os resultados das pesquisas mais recentes. feita sobre esta substância encontrada na pele de uvas vermelhas.

Muitas pessoas tomam suplementos de resveratrol, mas ainda é desconhecido como esta substância funciona no corpo, ou qual é a quantidade certa para obter benefícios para a saúde

Uma vez verificados que o resveratrol é capaz de diminuir o desenvolvimento de tumores, os pesquisadores que realizaram o estudo pretendem identificar o mecanismo de ação do resveratrol nas células humanas, a fim de determinar qual é o nível ideal deste produto químico em seres humanos.

A professora Karen Brown, uma das responsáveis ​​pela organização do 'Resveratrol 2012' explicou que, embora existam muitas pessoas que tomam suplementos de resveratrol, ainda não se sabe como essa substância funciona no corpo ou qual é a quantidade certa para alcançar efeitos benéficos em a saúde. Este especialista acrescenta que foi provado, além disso, que o resveratrol em altas doses pode até interferir com outras drogas, então ele acredita que novas investigações em andamento podem determinar como, quanto e quando levá-lo para aproveitar todas as suas propriedades.

RESVERATROL do vinho tinto faz bem? Natugood Saúde Baseada em Evidências #05 (Setembro 2019).