Dr. Francisco Vargas, epidemiologista especializado em campos eletromagnéticos e health, membro do Comitê Científico Consultivo em Radiofreqüência e Saúde (CCARS), afirma que não há evidências científicas de que as redes Wi-Fi possam prejudicar a saúde das pessoas que estão expostas à radiação.

Vargas refuta as teses divulgadas pela Organização para a Defesa da Saúde e pela Fundação de Saúde Geoambiental, que divulgou na semana passada os supostos riscos das redes sem fio, exigindo com sua campanha 'Escola sem Wi-Fi' que essa tecnologia seja eliminada dos centros educativos.

De acordo com as opiniões expressas por essas organizações, que citaram a Agência Ambiental Européia (EEA) como fonte, a radiação emitida pela tecnologia 'wifi' poderia causar doenças, como tumores cerebrais, leucemia infantil ou câncer de mama, assim como como distúrbios nervosos ou danos ao sistema imunológico.

O especialista assegurou, em declarações à Europa Press, que este aviso é "desproporcionado e alarmista" e não é apoiado por provas científicas, e acrescenta que as fontes que nomeiam para apoiar os seus argumentos não são competentes na disciplina dos campos electromagnéticos e seus efeitos sobre a saúde, assim como a Organização Mundial da Saúde (OMS) ou a Agência Internacional para o Câncer (IARC).

O especialista acha que a população está ficando alarmada sem fundamento, pois não há estudo científico que demonstre que redes ou antenas sem fio sejam prejudiciais à saúde

O especialista acredita que a população está sendo alarmada sem fundamento, pois não há estudo científico que demonstre que as redes sem fio ou antenas são prejudiciais à saúde. Ele também explicou que há apenas um aviso da OMS sobre o uso intensivo de telefones celulares e sua possível relação com um pequeno aumento estatístico nos casos de câncer.

Vargas diz que a Agência de Proteção à Saúde do Reino Unido (HPA), tem estudos sobre a exposição de estudantes à tecnologia sem fio na qual se explica que não há motivos para preocupação, pois essas emissões não afetam negativamente a saúde. , e lembre-se que o câncer é uma patologia cuja origem é multicausal, envolvendo fatores genéticos e ambientais que, em muitos casos, não são conhecidos.

Fonte: EUROPA PRESS

AVISE AO SEU MARIDO OU NAMORADO - ELE ESTÁ CORRENDO UM GRANDE RISCO TODAS AS VEZES QUE COLOCA (Outubro 2019).